25 de novembro de 2008

Fleetwood Mac


É triste ver uma banda tão descaracterizada . Quem ouve hoje Fleetwood Mac, nem remotamente pode imaginar o som que eles faziam em suas origens. De uma das melhores bandas de blues-rock de todos os tempos para o pop fútil e comercial dos últimos anos, o abismo é enorme. Muitos fãs da banda original consideram a banda morta e a atual formação uma heresia, um sacrilégio, um insulto.

Fleetwood Mac nasceria no verão de 1967, dizem que John Mayall despediria dos Bluesbreakers o baixista John Mc Vie e o baterista Mick Fleetwood por seus excessos etílicos. O magistral guitarrista Peter Green que nada tinha a ver com a historia, teria sido incluído no pacote por que Eric Clapton teria acenado com uma volta aos Bluesbreakers. Dizem, mas não é fato, e pra dizer a verdade não sei se realmente Mayall trocaria Peter Green por Clapton, ou estes foram embora já com a intenção de criar uma nova banda, seja lá como for, nesse ano o mundo conheceria o nascimento de uma das melhores bandas de blues-rock de todos os tempos.

Se uniram a eles procedente de The Levi Set Blues Band, Jeremy Spencer, guitarra slide e voz. Um tempo depois outro guitarrista, Danny Kirwan, se incorpora , formando assim o primeiro trio de guitarristas solistas a tocar em uma mesma banda.

Seu primeiro álbum seria "Peter Green's Fleetwood Mac", de 1968. Mistura de temas próprios e regravações de clássicos. Foi um grande êxito de vendas, mas naquela época o que vendia mesmo eram os singles, mais baratos, e de maior penetração no mercado.Dai o lançamento dos singles: "Black Magic Woman" , um clássico que teria varias versões de outros artistas , uma das mais famosas a de Santana, e "Need Your Love So Bad", maravilhoso tema. Ambos singles estouraram nas vendas e os colocaram nos primeiros lugares nas listas Inglesas. Não podemos esquecer o inspirado single “Albatross”, simplesmente perfeito.

Fleetwood Mac publicariam cinco álbuns até o ultimo trabalho, “Then play on” , que marcaria a saída de Peter Green , e marcaria para muitos o fim da banda. Posteriormente entrariam Stephanie Stevie Nicks, vocal e Lindsey Buckingham, guitarra, com o qual colheriam seus maiores êxitos de venda e publico, mas esse soft rock comercial nada tem a ver com o Fleetwood Mac original, e acredito teria sido mais digno criar uma nova banda com novo nome, deixar Fleetwood Mac morrer em paz , e preservar sua memoria.


Discografia dos Fleetwood Mac “original”

• Peter Green's Fleetwood Mac (1968)
• Mr. Wonderful (1968)
• English Rose (1969)
• The Pious Bird of Good Omen (1969)
• Then Play On (1969)


Long Grey Mare - Fleetwood Mac

Fleetwood Mac - Albatross

Fleetwood Mac - Jumping at Shadows

Fleetwood Mac - Need Your Love So Bad

Fleetwood Mac w/ Peter Green "Oh Well"

Shake Your Moneymaker-
Fleetwood Mac

3 comentários:

1.
rebloggando-requeri disse...

o fleetwood mac só poderia ser uma das maiores bandas do mundo. peter green assim como a arrasadora maioria dos gênios tem uma cabeça complicada. sou apaixonada por aquela guitarra. to escutando, neste exato momento.

fe, vim aqui pra dizer que vc tem indicação no rebloggando. leia tudo e ouça a música que tem lá na fitinha.

os videos com essa configuração ficaram ótimos.

bj.

Advogado do Rock disse...

Fleetwood Mac é rock de responsa.

A banda saiu do anonimato quando se apresentou no British National Jazz & Blues. Mas inflesmente, a banda já acabou.

Lógico que os Beatles são insuperáveis. mas o Feetwood é show.
Ótimos vídeos que você postou aqui, muito bom!

Álias pus o link do seu blog no meu blog. Vamos trocar nossos links?

vlw

clubedoalgodao disse...

Com certeza, já esta adicionado. Gostei do seu trabalho. Um abraço.