24 de dezembro de 2010

Peter Green


Peter Green talvez seja o guitarrista de blues que me tocou mais profundamente. Seu estilo inconfundível, refinado, melancólico, um grande mestre do “vibrato”, me ensinou a apreciar essse estilo musical.
Green consegue nos transportar em enlevo em temas como “Albatroz”. Das inumeras versões ouvidas de “ Black magic woman” , popularizada por Santana, ninguém conseguiu superar o proprio autor do tema. Como diria Obama, "Green é o cara".

Peter Green
nasceu em Londres em 29 de outubro de 1946.Grande guitarrista, foi chamado para substituir Eric Clapton no “John Mayall & The Bluesbreakers”. Tarefa ingrata , naquela época se podia ver grafittis nas paredes de Londres com os dizeres: “ Clapton is God”, não era fácil substituir um deus. Porém com o tempo sua genialidade se impôs, e conseguiu seu lugar no olimpo. Algum tempo depois formaria sua própria banda , a mítica “Fleetwood Mac”.
Diz a lenda que Green faria uma viajem de acido de três dias da qual nunca se recuperou totalmente. Não sei se foram os ácidos ou as sessões de “eletro-terapia” a que o submeteram posteriormente . O certo é que ele foi diagnosticado com esquizofrenia, o que faz das viagens lisérgicas, ou a " eletro-terapia”, algo pouco recomendável .
Seus problemas afetaram a sua arte durante um bom tempo, hoje em dia ele continua na ativa, talvez sem o mesmo frescor e criatividade que tivera na juventude, mas continua sendo o grande Petrer Green de sempre.

Peter Green - need your love so bad
Peter Green - Albatros
Peter Green BLACK - MAGIC WOMAN (Audio)
Peter Green - Jumping at Shadows
Peter Green - World Keep On Turning
Ooh Baby : Peter Green's Fleetwood Mac
Peter Green,Fleetwood - Mac oh well
Peter Green Fleetwood Mac "Like it This Way"






1 comentários:

1.
Rodrigo Nogueira disse...

Olá parceiro(a)!

Para facilitar o acesso, o blog Sons, Filmes & Afins mudou de endereço. Por favor, atualize na sua blogroll!

Novo endereço: http://sonsfilmesafins.blogspot.com

Abraço!